VAMOS RECEBER ENTREVISTA: CRIS LOTAIF

Costumamos dizer que não nos tornamos anfitriões apenas por abrir as portas de casa aos nossos convidados. É preciso abrir também o coração para envolver cada um que entra com toda gentileza, atenção e carinho.

Fazemos questão de começar esta edição do Vamos Receber Entrevista assim porque, ao conversar com a querida Cris Lotaif, ficamos absolutamente encantadas com a forma tão especial, delicada, generosa e verdadeiramente apaixonada com que ela sabe fazer exatamente isso.

Cris Lotaif Banner

Cris, se é que isso é possível, passamos a admirá-la ainda mais depois desta entrevista. Muito obrigada por dividir um pouco da sua experiência nessa deliciosa arte que é  bem receber conosco.

É um prazer imenso e uma honra tê-la por aqui!

Vamos à entrevista?

Vamos Receber: Quem a inspirou a ser uma boa anfitriã e por quê.

Cris Lotaif: Minha mãe. Ela sempre recebeu todos com amor e carinho, com doçura e dedicação. Gostar de fazer as pessoas se sentirem bem faz toda a diferença.

Vamos Receber: Conte-nos um pouco como costuma receber para almoços ou jantares informais, petit comité.

Cris Lotaif: Normalmente, os jantares e almoços informais são aqueles que nos dão a oportunidade de falar mais com cada uma das pessoas presentes, de nos aproximar, de ter uma conversa gostosa, cheia de alegrias, de trocas de impressões e opiniões. Por isso, nessas ocasiões, precisamos contar com a facilidade do arranjo de flores baixo sobre a mesa, com a cadência de tempo maior na refeição e na sobremesa. Um verdadeiro “deixar rolar”. Para um almoço de mulheres, normalmente, o placement depende apenas da vontade de cada uma delas. Se o jantar inclui homens e mulheres, sempre alterno um homem e uma mulher. Os anfitriões sentam-se nas cabeceiras.

Ao preparar a mesa, louças, toalhas ou jogos americanos e flores para a decoração vão todos contar uma historinha. Seja por cor ou tema, mais à vontade, mais sofisticado…É muito o que o coração diz. As escolhas são sempre muito emocionais, pois a preparação de um almoço ou jantar é um encantamento e o acontecimento é um prazer! Cada evento tem seu perfume, suas flores, seu momento único que não volta. Tem que ser prazeroso e cheio de amor.

Vamos Receber:  Qual o seu cardápio dos sonhos para um jantar formal.

Cris Lotaif:  Acho que tenho que deixar os convidados à vontade e por isso servir uma variedade de pratos que possa atender aos que não podem comer ou não gostam disso ou daquilo. Procuro me informar ou observar antes. No entanto, sempre haverá uma salada, uma massa, uma carne ou ave, um peixe. O que amo, na verdade, são as sobremesas!! Principalmente as de chocolate ou coco.

Vamos Receber: Uma louça favorita e por quê.

Cris Lotaif: Acho que não tenho uma louça favorita. Gosto de louças que toquem o coração. Existem louças que são ideais para almoços e outras para jantares. Gosto bastante de usar louças com flores para o café da manhã, almoço e chá. E outras mais lisas, com frisos dourados, para a noite.

Vamos Receber: Qual a sua trilha sonora favorita para um jantar animado com amigos queridos.

Cris Lotaif: Normalmente jazz, MPB, Bossa Nova, regravações atuais de clássicos. E dependendo, tem até clássicos, ou cantoria!!

Vamos Receber: Uma das mesas mais bonitas e bem postas que se lembra de ter visto.

Cris Lotaif: Difícil falar, pois tantas mesas são lindas! Talvez um jantar no Opera de Paris, pois o décor era tão impressionante quanto as mesas.

Vamos Receber: Em sua opinião, quais são principais regrinhas de etiqueta que todo bom anfitrião deve seguir.

Cris Lotaif: Deixar o convidado à vontade e sentir-se como um convidado também. É importante entrar na sintonia: o momento com os amigos é mais importante que dar tudo 100% certo. Aproveitar é a regra! Aquela reunião em torno de uma mesa, com aquelas pessoas, naquele dia não vai voltar, e, se o anfitrião fica tenso, ele tende a tensionar os convidados!

Eu acredito que as regras de etiqueta todo mundo conhece um pouco, ou pode pesquisar, mas a alegria de receber é a verdadeira força do anfitrião.

Vamos Receber: O que adora dar de presente quando é visita? E qual a lembrança favorita para entregar aos seus convidados?

Cris Lotaif: Se já conheço a casa, adoro dar coisas para a decoração. Ou, então, pequenos mimos, como velas aromáticas, chocolate e livros. A lembrancinha para os convidados é uma coisa muito delicada, como dragées, docinhos, bem-casados. E não acho obrigatório. Principalmente se é um evento pequeno e entre amigos. Fica um pouco over.

Vamos Receber: Alguns cuidados indispensáveis ao receber visitas que se hospedarão em sua casa.

Cris Lotaif: São muuuuuitos. E se multiplicam conforme os dias passam. Desde roupa de cama, toalhas, alguém para ajudar os convidados a abrir e fechar mala, preparando as roupas nos armários e, depois, colocando-as de volta na mala; até deixar tudo o que é necessário para que o convidado não precise abrir a nécessaire preparado no banheiro. Água, copos, listas de ramais telefônicos no criado-mudo. É uma tarefa non-stop. Saber quais as restrições alimentares dos convidados, quais horários preferidos, revistas, jornais, tudo! É uma tarefa feita com dedicação e atenção.

Vamos Receber: Um jantar chez Cris Lotaif não estaria completo sem…

Cris Lotaif: Amor.

Esperamos que tenham gostado. Um beijo!

 

Deixe uma resposta

Comentários