A FLOR DOS PÁSSAROS: O ORNITHOGALUM

Quem conferiu aqui a mesa que preparamos para um encontro agradável com gente querida, notou delicados bouquets de flores brancas, cada uma delas com um pontinho mais escuro no centro. Trata-se do belíssimo Ornithogalum, eleito para o nosso quadro de hoje, dedicado à flor da semana.

FlorDaSemana15

Sergio Oyama Junior, do belíssimo Orquídeas no Apê, é quem, mais uma vez, compartilha conosco um pouco de seu vasto conhecimento quando o assunto são flores. Querido Sergio, muito obrigada por todo carinho e gentileza com o Vamos Receber. É um prazer imenso para nós poder contar com alguém tão especial como você!

O Ornithogalum ou Ornitogalo é uma planta bulbosa nativa de diversas regiões da Europa, Ásia e África. Pertence à família Asparagaceae, na qual também estão incluídos o aspargo, a pata de elefante e as dracenas. A espécie Ornithogalum arabicum é a mais comumente cultivada para fins ornamentais.

O termo Ornithogalum deriva das palavras gregas ornithos, que significa pássaro e gala, cuja tradução é leite. Acredita-se que o nome tenha sido atribuído em função do formato e cor de suas flores, que lembrariam um pássaro branco.

Bastante apreciado por sua bela inflorescência em forma de bouquet, o Ornithogalum produz delicadas flores perfumadas em forma de estrela, em tons de branco e creme, com detalhes em verde. Por esta razão, a flor também é conhecida como Estrela de Belém. Graças ao nome da espécie, arabicum, também pode ser encontrada como Estrela Árabe.

Versátil, o Ornithogalum pode ser usado no paisagismo, em maciços ou bordaduras. Adapta-se bem ao cultivo em vasos, além de ser bastante utilizado como flor de corte, em arranjos e bouquets. É uma planta que cresce a partir de bulbos, florescendo durante o verão. Aprecia locais bem iluminados, preferencialmente sob sol pleno. O solo deve ser bem úmido, mas não encharcado. Após a floração, a planta entra em um período de dormência.

Além de muito utilizado no paisagismo e decoração, o Ornithogalum também é conhecido por seu emprego na produção de florais de Bach.

Esperamos que tenham gostado.

Um beijo!

Sergio Oyama Junior é o biólogo, fanático por orquídeas e idealizador do Orquídeas no Apê blog dedicado a essas lindas flores. Neste espaço, Sergio, que é graduado em Biologia pela Unicamp e pós-graduado em Bioquímica pela USP, gentilmente divide conosco um pouquinho do seu vasto conhecimento sobre as mais diversas plantas e flores, incluindo, é claro, as orquídeas.

Deixe uma resposta