Tratamos no post anterior sobre o uso e a função dos marcadores de lugar.

Para ajudá-los, preparamos um mimo para vocês.

Quem quiser, poderá baixar, imprimir e recortar os marcadores abaixo, em papel com uma gramatura maior (180g), e usá-los à vontade em suas casas!

post-placement

Esperamos que tenham gostado e usem muito!

Um beijo!

O uso de marcadores de lugar é uma forma útil e, na maioria das vezes, divertida de deixar seus convidados saberem onde deverão sentar-se, seja numa reunião pequena entre amigos ou numa recepção maior e mais formal.

Estudiosos das regras de etiqueta afirmam que o uso dos marcadores de lugar é recomendável quando a quantidade de convidados à mesa for maior do que seis. Caso você opte por não usar marcadores de lugar, é recomendável ter em mente onde você quer que seus convidados se sentem. Provavelmente eles irão perguntar.

post-placementFoto: Pinterest

Em um jantar formal, a organização dos lugares começa com o convidado(a) de honra. Tradicionalmente, o lugar de honra é aquele à direita do anfitrião ou anfitriã.

Numa reunião familiar, a pessoa mais velha pode ser considerada o convidado de honra. Quando ambos pais e sogros sentarem à mesma mesa, a mãe da anfitriã deverá sentar-se à direita do anfitrião, e a mãe do anfitrião deverá sentar-se à sua esquerda. O pai do anfitrião deverá sentar-se à direita da anfitriã, e o pai da anfitriã deverá sentar-se à sua esquerda.

Em nenhuma ocasião o anfitrião e a anfitriã poderão sentar-se juntos. Quando possível, deverão sentar-se no meio da mesa, em lados opostos.

Quando a quantidade de casais for, por exemplo, 6, 10, 14 ou 18 (incluindo os anfitriões), os anfitriões poderão sentar-se em lados opostos da mesa e os convidados poderão ser intercalados entre homens e mulheres.

Quando a quantidade de casais for, por exemplo, 8, 12, 16 ou 20, alternar homens e mulheres com os anfitriões sentados em lados opostos da mesa não é possível. Para manter a alternância, a anfitriã poderá deslocar-se um lugar à sua esquerda, enquanto o anfitrião permanece em seu lugar, ensina Suzanne Von Drachenfels (“The Art of the Table”). O convidado de honra deverá sentar-se à direita da anfitriã, e os demais convidados poderão ser alternados entre homens e mulheres.

Os marcadores de lugar possibilitam também colocar pessoas com personalidades semelhantes próximas umas das outras, ainda que elas não se conheçam.

Ao marcar o lugar à mesa tentem sempre aplicar o bom senso. O principal objetivo é fazer a conversa fluir, evitar conversas paralelas, e permitir a integração entre os convidados.

São inúmeros os tipos de marcadores de lugar. Desde os mais finos, em prata e cristal, às frutas, verduras, ou até mesmo um papel dobrado sobre a mesa. Outras opções são caixinhas com lembranças ou até mesmo prendedores de guardanapos com o nome de cada convidado. O que vale é a intenção e a criatividade, na medida certa da ocasião.

Quem nos acompanha sabe que os marcadores de lugar estão presentes em 90% das nossas mesas. Muitas vezes, fazem parte da decoração da mesa. Numa pizza, por exemplo, usamos o tomate como marcador de lugar. Já num jantar na Bahia, usamos a mini bananinha para a mesma função.

Esperamos que as dicas tenham sido úteis e que tenham gostado do post. Um beijo!

Compartilhamos com vocês a receita do Risoto de Brie com Pêra, feito pelo meu marido para um jantar com amigos.

Os ingredientes estão abaixo e a quantidade sugerida serve 6 pessoas:

RISOTO-BRIE-PERA

Modo de Preparo:

1. Em uma panela, dissolva o caldo de legumes na água.

2. Em outra panela, refogue a cebola e o alho no azeite de oliva.

3. Adicione o arroz e frite-o por alguns minutos.

4. Acrescente o vinho branco e deixe-o evaporar por alguns minutos, mexendo sempre o arroz.

5. Adicione o caldo de legumes aos poucos até o arroz ficar no ponto desejado (o ideal é deixar um pouco ao dente). Antes de chegar ao ponto, após 10 minutos de cozimento, adicione a pêra em cubos e continue mexendo.

6. Quando o arroz estiver no ponto, desligue o fogo e acrescente a manteiga (3 colheres de sopa cheias), o queijo parmesão e o queijo brie. Mexa ate que a mistura esteja homogênea.

7. Finalize com a rúcula e o presunto parma.

8. Sirva com a farofa de pão.

Abaixo, foto do risoto com a farofa de pão:

RISOTO-BRIE

Bom apetite a todos!

Um beijo, Thais